Paulo Eduardo Martins (PSC/PR) critica baderna na Assembleia Legislativa

Publicado: quarta-feira , 04 de dezembro 2019 12:05

 

O deputado federal Paulo Eduardo Martins (PSC-PR) criticou a ação de sindicalistas que invadiram a Assembleia Legislativa do Paraná nesta terça-feira (3/12).  Para o deputado, fica claro que uma turma que diz representar os servidores estaduais, na verdade, só quer mesmo é promover a baderna: “Essas pessoas não representam o todo. Até quando os comunistas dos sindicatos vão agir dessa forma? E os professores decentes, até quando aceitarão que os autoritários da APP – Sindicato os representem?”

Vídeos que circulam nas redes sociais mostram baderneiros quebrando portas e danificando o patrimônio do prédio da Assembleia, em Curitiba. A invasão aconteceu depois que os manifestantes, que estão em greve, furaram o bloqueio dos seguranças. Eles são contra os projetos que alteram a previdência do funcionalismo público estadual. Paulo Eduardo Martins, destaca que se os sindicalistas conseguirem sabotar a reforma, em pouco tempo, os servidores que forem ao banco para sacar a aposentadoria, não conseguirão sacar nada, pois o estado não terá como pagar a conta se as coisas continuarem assim. E conclui: “Quem é contra a reforma da previdência é contra a existência real do benefício da aposentadoria. Isso o sindicato baderneiro não conta”.

Nesta terça-feira termina o prazo para que os deputados estaduais apresentem emendas à Proposta de Emenda à Constituição estadual, enviada à Assembleia pelo governo. Ainda não há prazo para a votação da PEC em plenário.

PSC nas redes sociais

PSC
  Youtube
  Instagram

Cadastre-se e Acompanhe o dia a dia do PSC