Deputados do PSC levam demandas ao ministro do Desenvolvimento Regional

Publicado: quinta-feira , 23 de julho 2020 21:05

O líder do PSC na Câmara, André Ferreira (PSC/PE), e o deputado Glaustin da Fokus (PSC/GO) se reuniram na quarta-feira (22), com o ministro do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho, para tratar de demandas dos seus respectivos estados.

Em meio a uma semana decisiva no Congresso Nacional, o deputado federal Glaustin da Fokus (PSC-GO) se encontrou em Brasília com os ministros do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho, nesta quarta-feira (22), e da Infraestrutura, Tarcísio Freitas, na terça-feira (21), para tratar de necessidades e perspectivas de desenvolvimento de municípios goianos.

Antes, na segunda-feira (20), o parlamentar havia se reunido com o ministro-chefe da Secretaria de Governo, general Luiz Eduardo Ramos, peça-chave na negociação para aprovar o novo Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb).

No Ministério do Desenvolvimento Regional, Glaustin pediu o desbloqueio de R$ 121 milhões de um projeto da Agência Goiana de Habitação (Agehab) aprovado em 2018 pelo governo federal. Já assinado pela Caixa Econômica Federal, o contrato prevê a construção de 1.472 unidades habitacionais em Goiânia, além de um Centro Municipal de Educação Infantil (Cmei) e uma escola de ensino fundamental. “O ministro Rogério Marinho tem um carinho especial por Goiás e se comprometeu a resgatar a nossa demanda”, relatou o deputado.

Para Tarcísio Freitas, ao lado do vice-prefeito de São Simão (GO), Wallisson Freitas, Glaustin expôs o potencial logístico do município do sul goiano, um dos poucos do Brasil a reunir quatro modais de transporte: aeroviário, ferroviário, hidroviário e rodoviário. A visita coincidiu com o anúncio, pelo governador Ronaldo Caiado, da construção de um terminal de transbordo rodoferroviário conectado à Ferrovia Norte-Sul. A infraestrutura deve começar a operar em 2021 e poderá movimentar anualmente mais de 5,5 milhões de toneladas de soja, milho e farelo de soja, ou seja, mais de 80 mil caminhões por ano.

Glaustin apresentou a Tarcísio seus projetos de lei 1.620/19 e 6.234/19, que têm objetivo de acrescentar na Lei de Registros Públicos a obrigatoriedade de recolhimento do Imposto sobre a Transmissão de Bens Imóveis (ITBI) nas transferências ligadas a energia hidrelétrica da União para a iniciativa privada. A proposta beneficiaria São Simão, cuja usina foi privatizada em 2017.

Fonte: Assessoria

 

PSC nas redes sociais

PSC
  Youtube
  Instagram

Cadastre-se e Acompanhe o dia a dia do PSC