Glaustin garante mais R$ 3 milhões pagos à saúde de 22 municípios

Publicado: segunda-feira , 04 de Maio 2020 11:40

Do total de R$ 15,9 milhões indicados pelo deputado federal como emendas parlamentares individuais em 2020, R$ 4,7 milhões já chegaram às prefeituras

O Ministério da Saúde repassou nesta semana mais R$ 3 milhões das emendas parlamentares do deputado federal Glaustin da Fokus (PSC-GO). Já nos cofres das prefeituras de 22 municípios, os recursos estavam previstos desde o início do ano para serem aplicados em serviços da rede pública e tiveram seu pagamento antecipado devido à pandemia de covid-19.

Dos quase R$ 3 milhões recém-entregues, mais de R$ 1,6 milhão se destina à compra de ambulâncias e equipamentos para unidades de atenção especializada em saúde. Os veículos beneficiam Pontalina e Santo Antônio do Descoberto. Já o maquinário hospitalar reforça a infraestrutura da rede pública de Inaciolândia, Montividiu, Nova Crixás, Porangatu e São Miguel do Araguaia.

Os R$ 1,4 milhões restantes devem ser aplicados tanto na atenção básica como em média e alta complexidade em saúde de 15 municípios: Anhanguera, Aparecida do Rio Doce, Aporé, Bom Jardim de Goiás, Brazabrantes, Caturaí, Cocalzinho de Goiás, Davinópolis, Estrela do Norte, Formoso, Guapó, Iaciara, Nova Glória, Santa Barbara de Goiás e São Domingos.

“Mesmo antes de o mundo tomar conhecimento da gravidade do coronavírus, priorizamos nossos investimentos em saúde, com 60% dos quase R$ 16 milhões que tínhamos à disposição como emendas parlamentares impositivas”, destaca Glaustin. “Sabemos que não existe hora para se precisar de um atendimento médico nem para prevenir doenças mais graves, e, com a crise que vivemos hoje, esses recursos se tornaram ainda mais necessários.”

Na semana passada, o Ministério da Saúde ainda pagou R$ 1,1 milhão em recursos extraorçamentários indicados por Glaustin em 2019 para Minaçu, Professor Jamil e Trombas. Dos R$ 15,9 milhões destinados em 2020 como emendas impositivas do deputado, o governo federal já transferiu R$ 4,7 milhões às prefeituras de 35 municípios priorizados pelo parlamentar.

Esses recursos entram diretamente nos cofres das prefeituras, responsáveis por investi-los em políticas públicas ligadas ao custeio e ao atendimento ambulatorial e hospitalar no Sistema Único de Saúde (SUS).

Fonte: Assessoria

PSC nas redes sociais

PSC
  Youtube
  Instagram

Cadastre-se e Acompanhe o dia a dia do PSC